Um radar de velocidade localizado na quadra 708 da W3 Sul multou, equivocadamente, 7 mil motoristas que passaram abaixo do limite permitido de 60 km/h, desde junho. De acordo com o Departamento de Trânsito do DF (Detran), o equipamento foi programado com velocidade máxima de 50 km/h, quando na verdade a via é de 60 km/h.


Ainda segundo o órgão, um funcionário da empresa responsável pelo aparelho colocou o limite de 50 km/h por engano. Em nota, o Detran afirmou que as multas emitidas entre 16 e 29 de junho por fiscalização eletrônica a condutores que passaram em velocidade de até 60 km na via W3 Sul, na altura da 708, foram canceladas. “Esclarecemos que, mesmo canceladas, algumas notificações ainda podem estar em trânsito, mas ao recebê-las os proprietários devem desconsiderá-las”, informa.


Quem já pagou pela multa será ressarcido e terá a pontuação da carteira excluída, sem a necessidade de recurso. A nota esclarece ainda que a empresa responsável pelo equipamento foi notificada pelo Detran no dia 20 de julho e já reprogramou corretamente o equipamento.

Copyright © Advocacia Andréa Resende. Todos os direitos reservados.